quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

E eis porque às vezes o artista receava: “Seriam as almas segredos?”

Mário de Sá-Carneiro, in Mistério

Nenhum comentário:

Postar um comentário